Entrada do Cargueiro Progress M-27M prevista para hoje

     O Cargueiro Russo foi lançado dia 28 de Abril com destino à Estação Espacial Internacional e acabou saindo de sua órbita prevista. Esse assunto já foi tratado aqui no blog essa semana. (Clique aqui). As previsões iniciais mostravam que o satélite poderia cair em algum lugar do Pacífico Sul próximo às 13 horas, no horário de Brasília (UTC 16:00), considerando um erro de +/- 24 horas. Porém, previsões mais recentes mudaram essa realidade. De acordo com os dados fornecidos por Joseph Remis, SATFLARE (Site para rastreamento online de Satélites), o cargueiro PROGRESS M-27M pode reentrar na atmosfera terrestre por volta das 22:55 (BRT), ou 01:55 (UTC), com precisão de +/- 2 horas. O local previsto para a queda é sobre o Mar de Bering, no Pacífico Norte, entre a Russia e o Alasca.
     No momento em que escrevemos essa postagem, o cargueiro se encontra a uma altitude de 144 Km e a uma velocidade de 28.122 Km/h.

Reentrada da M-10M no dia 29 de Outubro de 2011. A Progress tinha o mesmo objetivo: levar suprimentos à ISS.
Imagem: NASA
     As dúvidas que surgirem podem ser deixadas nos comentários abaixo. A equipe do O Astrônomo continuará acompanhando o satélite e voltará com atualizações nessa página, fique ligado!



[ATUALIZAÇÃO]
(Spaceflight101.com)

19:59 (BRT) - Altitude: 137,8 km. Previsão de reentrada para as 22:55 (BRT) com margem de +/- 3 horas. Objeto sobre o Pacífico Norte (México).

20:57 (BRT) - Cargueiro observado sobre o amanhecer na Índia.

20:59 (BRT) - Cargueiro continua sua órbita sem muitas mudanças, no momento sobre a Índia. Completa 1 volta em torno da Terra a cada 87,5 minutos.

21:27 (BRT) - Ao longo dessa próxima órbita, a Progress M-27M pode ou não reentrar. Ela passará nos próximos minutos sobre o extremo sul da America do Sul, seguindo posteriormente ao Oceano Atlântico. Quando entrar sobre a África, voará sobre a Namíbia, Angola, Zâmbia, República Democrática do Congo, Tanzânia, Uganda, Quênia, Etiópia.

21:41 (BRT) - Ultima publicação com a previsão de reentrada feita pela USSTRATCOM (
Comando Estratégico dos Estados Unidos): 08 de maio de 2015 - 01:52 UTC +/- 3 Horas [Publicado: 07 de maio - 20:26]

22:08 (BRT) - Tem um site especializado em rastreamento de satélites que indica que a Progress ja realizou sua reentrada. O cargueiro ainda está em órbita e sobrevoa o litoral sul-africano no momento.

22:36 (BRT) - A Progress M-27M acaba de entrar em território russo, a uma altitude de 139,2 km.

22:43 (BRT) - A janela para a reentrada está aberta. Ainda não se pode afirmar com certeza o momento exato da reentrada, já que o rastreamento de objetos de baixa órbita podem acompanhar alguns erros.

22:46 (BRT) - No momento, o cargueiro sai do território russo e começa sua provável última viagem sobre o Pacífico Norte.

22:59 (BRT) - Se ainda estiver em órbita, a Progress cruzará a linha equatorial sobre o Pacífico, com destino ao extremo sul da America do Sul. Se encontra então exatamente no meio da janela de reentrada prevista pela USSTRATCOM.

23:24 (BRT) - Progress M-27M acaba de passar o extremo sul da America do Sul. Agora pela sua frente tem o Oceâno Atlântico até encontrar a África novamente, passando por Gabão, Camarões, Sudão e Egito. Mesmo correndo o risco de reentrar sobre lugares habitados, as chances de atingir o solo são poucas, já que praticamente todo o material se desintegrará pela fricção com o ar.

23:47 (BRT) - Cargueiro sobrevoa agora a África. Durante os próximos 25 minutos estará sobre áreas habitadas. Se reentrar, que seja totalmente desintegrado, evitando estragos e proporcionando um belo espetáculo ao amanhecer.

23:48 (BRT) - ROSCOSMOS emitiu nota informando que o cargueiro reentrou sobre o Pacífico as 02:04 UTC (23:04 BRT). Aguardando ainda a confirmação oficial, já que nenhum método de detecção de reentrada foi informado.

00:07 (BRT) - ROSCOSMOS se precipitou ao informar a reentrada, pois se baseou apenas na sua ultima previsão de dados orbitais recolhidos na passagem anterior em uma estação de observação em Terra acima do Kazaquistão. Atualmente, a Russia não tem capacidade de colher informações em tempo real sobre reentradas acima do meio do Pacífico.

01:00 (BRT) - USSTRATCOM emitiu uma confirmação precisa da reentrada da Progress M-27M mostrando que a desintegração ocorreu a 80 km de altitude às 02:20 UTC (23:20 BRT) com margem de +/- 1 minuto. Isso coloca o local de reentrada à 830 km da Costa do Chile (Pacífico Sul). Considerando a velocidade de reentrada, o local de queda por ser em qualquer lugar de 350 à 1.300 quilômetros da costa do Chile.





37 comentários:

  1. Estou observando o satflare.com e os dados apontam que o cargueiro esta em elevação, no momento voltou aos 148.5 km de altitude... Eles estão controlando a queda?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Postei as 20:15 hrs

      Excluir
    2. Não,a queda não está sendo controlada. O objeto está totalmente sem controle e ainda em órbita. Sendo assim possui perigeu e apogeu, assim como qualquer outro objeto (1ª Lei de Kepler).

      Excluir
    3. Vale lembrar que os parâmetros iniciais de órbita indicavam um perigeu de 143 km e apogeu de 159 km. Pelo que pude observar, o perigeu caiu para algo próximo de 138 km.

      Excluir
  2. Em tempo. A órbita inicial da Progress era de 188 por 260 Km.

    ResponderExcluir
  3. The one downfall of satellite. This had to come through now?! #CHIvsMIN http://t.co/5w5dWPFzTL

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, muito legal seu site, parabéns! Obs: vc se enganou no Horária das últimas atualizações, ao invés de 23h vc colocou 22h.

    ResponderExcluir
  5. Apesar dos prognosticos, vai cair em Terra em breve. O motor e a carcaça, que sao feitos pare resistir a altas temperaturas, vão tocar o solo. Esse região que está sobrevoando do oriente médio-Ásia é densamente povoado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. passou perigo, saindo do Japão

      Excluir
    2. Exatamente. As chances de cair em Terra são grandes, mas maiores ainda são as chances de cair sobre o oceano.

      Excluir
    3. Sorte que está "desviando" a America do Sul. Sorte ou azar, pois gostaria de poder ver ela se desintegrando.

      Excluir
    4. Ainda pode cair na Argentina ou Chile, ela ta agora atravessando talvez pela ultima ves o oceano pacífico, se acabar o combustivel ela cai logo ae, se nao vai parar na argentina e chile.

      Excluir
    5. Se acabar o combustível? A nave está totalmente sem controle, por isso está caindo. Com ou sem combustível ela estaria fazendo a mesma coisa.

      Excluir
    6. Quanto ao combustível eu me refiro a quantidade de movimento (V*m).

      Excluir
  6. Imagina se cai na Micronésia? Muito azar.....

    ResponderExcluir
  7. Agora ta passando pela ilha de Lost

    ResponderExcluir
  8. Se cair no Chile ou Argentina, pouco provável que "acerte alguém", essa área já é bem gelada, pouca gente mora ali...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem contar que é uma faixa de terra minúscula. As chances são mínimas, mas existem. Se cair sobre terra, que caia na Russia mesmo, lá todos tem câmeras nos carros, veremos de vários ângulos.

      Excluir
  9. não entendo muito disso .. mas tem o risco de mudar de trajeto e vir pro Brasil ??

    ResponderExcluir
  10. Pelo andar da carruagem, não reio que caia no quintal deles não, aliás, é costume deles jogar lixo no quintal dos outros kkkk

    ResponderExcluir
  11. Esse foguete ta fazendo doce, parece que nao vai cair mais, hehehe

    ResponderExcluir
  12. http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2015/05/nave-russa-progress-se-desintegra-ao-reentrar-na-atmosfera-da-terra.html

    ResponderExcluir
  13. Quando um balão cai dizem que "balão é boca", ou seja, ganha o balão quem primeiro pegar na boca... E essa bagaça que tá descendo aí!? uuhauhauHAUhauHAUa 00:56h - Passando pela Argentina - 157.69 Km de Altura

    ResponderExcluir
  14. NAVE RUSSA SE DESINTEGROU:
    http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2015/05/nave-russa-progress-se-desintegra-ao-reentrar-na-atmosfera-da-terra.html

    ResponderExcluir
  15. "Já se foi o Disco Voadooor!" El Chavo del Ocho.

    ResponderExcluir